Frente Parlamentar irá discutir na Alesp privatizações e serviços públicos de qualidade

O Sindasp-SP participará da reunião que terá a coordenação da deputada estadual Leci Brandão (PCdoB); a Frente Parlamentar será composta por 40 parlamentares de 16 partidos.

Carlos Vitolo Jornalista/Assessor de Imprensa do Sindasp.

imprensa@sindasp.org.br

® © (Direitos reservados. A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura do jornalista e do Sindasp-SP, mediante penas da lei.)

A deputada Leci Brandão (PCdoB) lança nesta quarta-feira (15), às 18h, na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) a Frente Parlamentar sobre Privatização em Defesa do Patrimônio e dos Serviços Públicos de Qualidade.

O debate sobre o tema tomou conta da pauta da Alesp após o governo apresentar o Projeto de Lei (PL) 1/2019, que propõe a “desestatização” de diversas instituições públicas paulistas.

Em se tratando especificamente do sistema penitenciário, o governador João Doria anunciou em 18/1, durante uma coletiva de imprensa, que a expansão do sistema prisional paulista será gerida pela iniciativa privada.

De acordo com o governo, inicialmente, sete presídios funcionarão sob Parceria Público-Privada (PPP), dos quais, quatro unidades já estão em construção e mais três novos complexos serão construídos nos próximos anos.

O Sindasp-SP estará presente no evento para manifestar sua posição contrária à privatização.

 

Serviço:

Data: 15 de maio de 2019

Horário: 18h

Local: Auditório Paulo Kobayashi (andar Monumental) – Alesp (Av. Pedro Álvares Cabral, 201)

Realização: Assembleia Legislativa de São Paulo

Coordenação: Deputada Leci Brandão (PCdoB)

Informações: (11) 3886-6790

menu
menu