Membros do GIR palestram em escola municipal de Taubaté

Projeto ?Salvando na Base? discute o combate a drogas e criminalidade com jovens do Vale do Paraíba

Uma nova possibilidade profissional foi apresentada aos alunos do 5º ano da Escola Municipal “Professora Simone dos Santos”, em Taubaté, no dia 22 de maio. Meninos e meninas, com idades entre 9 e 11 anos, conheceram um pouco do dia a dia de agentes de segurança penitenciária em uma palestra com membros do Grupo de Intervenção Rápida da região (GIR-6), que tem sede no Centro de Detenção Provisória (CDP) "Dr. Félix Nobre de Campos”, situado no município.

A ação faz parte do projeto “Salvando na Base”, uma iniciativa da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), por meio do CDP de Taubaté, e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Pindamonhangaba. O objetivo é o de evitar que crianças e adolescentes caminhem para o mundo das drogas ou adotem comportamentos ilícitos com rodas de conversa a respeito da criminalidade e do ambiente carcerário, além de noções sobre a legislação brasileira.

Cerca de 60 estudantes estavam reunidos no auditório da escola para ouvir as experiências dos agentes. “Estão todos curiosos para conhecê-los e essa visita é muito positiva, principalmente no sentido de prevenção ao uso de entorpecentes”, afirma Laura Rechdan Ribeiro Novaes, diretora da instituição de ensino. “Os alunos já estão numa idade boa para conversar sobre esse tema e um bom exemplo é sempre bem-vindo”, avalia.

Durante o encontro, os servidores da SAP abordaram as particularidades de trabalhar no ambiente prisional, apresentaram dados sobre a população carcerária e quebraram paradigmas que envolvem a profissão. “Foi importante saber que os agentes demonstram respeito com a figura humana”, afirma Amanda Bueno, vice-diretora da escola. “Eles se preocupam com a segurança e, ao mesmo tempo, preservam a dignidade do preso, algo que não fazíamos ideia”, completa.

Ao final da palestra, foi aberto um espaço para perguntas dos estudantes, que se empolgaram com os temas discutidos, e depois posaram para fotos com os agentes. “É um combustível ver o interesse das crianças no nosso ofício, ainda mais sabendo que a faixa etária dos presos está cada vez menor”, afirma Hélio Santana Alves, um dos membros do GIR que palestrou na ocasião.

SALVANDO NA BASE

Em atividade desde agosto de 2017, o projeto “Salvando na Base” promove palestras em escolas e faculdades na região do Vale do Paraíba para conversar sobre a realidade dos presídios e sobre a criminalidade com o público jovem. “Meu intuito era o de ajudar jovens da periferia e queria encontrar alguma forma de contribuir na formação dessas pessoas”, explica o advogado Bruno Pedott, secretário-adjunto da OAB de Pindamonhangaba e idealizador das palestras.

A proposta foi apresentada ao CDP de Taubaté, que abraçou a ideia e participa dos encontros, os quais já alcançaram mais de 3.000 crianças e adolescentes do Vale do Paraíba. “Se a gente conseguir fazer apenas uma pessoa seguir pelo caminho do bem, já ficamos felizes”, afirma Pedott.

Para Marcos Domiciano Castro, comandante geral do GIR-6, a receptividade dos jovens proporciona a sensação de dever cumprido. “Passar nossas experiências ao próximo é algo que nos engrandece como profissionais, é muito satisfatório poder mostrar o nosso trabalho, que é árduo, mas é o que amamos, somos e fazemos”, afirma o agente.


Fonte: SAP

menu
menu