NOTA DE PESAR - Dois diretores do Sindasp morrem em acidente na volta de Brasília e presidente Grandolfo está internado em estado grave

Carlos Vítolo Jornalista/Assessor de Imprensa do Sindasp.

imprensa@sindasp.org.br

® © (Direitos reservados. A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura do jornalista e do Sindasp-SP, mediante penas da lei.)

É com imenso pesar, que o Sindasp-SP comunica à categoria dos agentes de segurança penitenciária, que os diretores José Cícero de Souza, “Lobó” (54 anos) e Edson Chagas “Cebolinha” (57 anos), faleceram na manhã desta quarta-feira (11), em um acidente de carro. No mesmo veículo estava o presidente do Sindasp-SP, Daniel Grandolfo (37 anos), que se encontra internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), em São José do Rio Preto.

Os diretores retornavam de Brasília-DF, onde estiveram ontem para acompanhar a votação no Senado da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 14/2016, que cria a Polícia Penal federal, nos estados e no Distrito Federal. A votação não ocorreu por falta de quórum no Senado.

O acidente ocorreu na Rodovia Assis Chateubriand, no município de José Bonifácio, cerca de 50km de São José do Rio Preto. De acordo com as primeiras informações, houve um choque com um caminhão.

Estamos levantando mais informações para a atualização desta nota de pesar. A família Sindasp-SP está em luto.

menu
menu