Agente penitenciário é baleado após reagir a assalto em ônibus

0
26

Um assalto a ônibus que levava um grupo para fazer compras deixou um agente penitenciário baleado na noite de segunda-feira (1), na rua Joaquim Carvalho Mota, em Assis (SP). De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima acompanhava a namorada que iria viajar ao Paraguai.

 

O crime ocorreu enquanto o veículo estava parado esperando o embarque dos passageiros quando quatro homens invadiram o ônibus e anunciaram o assalto. O agente foi baleado por duas vezes após reagir.

 

A vítima foi encaminhada ao Hospital Regional de Assis, mas não há informações sobre o seu estado de saúde. Ainda segundo a policia, os suspeitos não roubaram nada. Três assaltantes envolvidos na ação foram presos.

 

Outro caso

 

Os passageiros de um ônibus foram vítimas de três assaltantes armados em Ibirarema (SP) na noite de domingo (31). Segundo informações da polícia, o ônibus que saiu de Maracaí e seguia para São Paulo, onde os passageiros fariam compra no Brás, conhecida região de comércio popular na capital. No veículo, havia outros 50 passageiros e o motorista.

 

As vítimas contaram à polícia que fazem essa viagem há 10 anos pelo menos uma vez por semana e nunca tinham passado por uma situação como essa. Ainda de acordo com as informações, próximo a um posto de combustíveis na Rodovia Raposo Tavares, três homens anunciaram o assalto. Dois deles já estavam no ônibus e um terceiro tinha acabado de entrar no veículo. Eles estavam armados e usaram máscaras de personagens de desenho animado durante o crime.

 

Eles fizeram o motorista seguir até um canavial, onde amarraram as vítimas e fugiram levando os seus pertences. O caso foi registrado na delegacia de Palmital e um dos suspeito foi reconhecido pelas vítimas.

 

Com ele a polícia apreendeu máscaras, rádios e celulares usados por eles no crime. A polícia faz buscas agora pelos outros criminosos e acredita que pelo menos cinco pessoas estão envolvidas no crime, os três do ônibus e outras duas com quem eles se comunicavam.

 

Fonte: G1

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.