Agente penitenciário sofre atentado na porta de casa no ES

0
22

Um agente penitenciário sofreu um atentado a própria vida na porta de casa, na noite desta terça-feira (4), por volta das 22 horas, no bairro Campo Grande, em Cariacica, Espírito Santo. Segundo a polícia, suspeita-se que o crime seja uma represália pelo fato do agente ter baleado um preso, no Hospital das Clínicas, na semana passada.

 

No dia 28 de maio, um preso foi levado para consulta médica no Hospital Universitário Antônio Cassiano de Moraes (Hucam), o Hospital das Clínicas, em Vitória, mas tentou fugir na unidade e acabou baleado nas pernas, segundo a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus). O disparo partiu do agente penitenciário que estava com o detento Hudson Pires, que cumpre pena por homicídio e é de alta periculosidade. Para tentar impedir a fuga, o agente atirou, pelo menos, quatro vezes.

 

Segundo funcionários do hospital, o preso fez ameaças contra o agente e disse que ele seria morto. Após as ameaças, o agente penitenciário foi até a delegacia registrar um boletim de ocorrência, mas, no dia seguinte, sofreu o atentado. De acordo com um amigo da vítima, que por medo não quis se identificar, disse que o agente está muito abalado e com medo de que ocorra novas tentativas.

 

Tentativa de homicídio
 

A polícia informou que o atentado aconteceu quando o agente chegava em casa. Ele foi surpreendido por um homem quando abria o portão de casa. O suspeito sacou a arma, atirou, mas não atingiu a vítima.

 

Fonte: G1

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.