Agentes evitam fuga na penitenciária III de Lavínia

0
39

Aconteceu na manhã do último domingo (25), aproximadamente às 7h20, na penitenciária III de Lavínia uma tentativa de fuga, que foi impedida pelo competente trabalho do corpo funcional, onde os agentes de segurança penitenciária e agentes de escolta e vigilância penitenciária evitaram que três sentenciados de altíssima periculosidade fugissem da unidade prisional. Os três sentenciados conseguiram cortar a tela de proteção do pavilhão 7, chegando na laje da unidade  prisional onde foram vistos  pelos agentes vigilância penitenciária que estavam de sentinelas nas torres e imediatamente acionaram os agentes penitenciários  que  cercaram e recapturaram os detentos  onde foi encontrado  uma  ”Tereza”,  corda feita de lenções que seria usada na fuga.

 

Os três sentenciados têm várias faltas disciplinares no sistema prisional estão presos pelos crimes de latrocínio, assalto e homicídio todos têm condenações acima de 50 anos sendo que um deles já tentou fugir de cinco unidades prisionais (Penitenciária de Mirandópolis, PII de Lavínia, Penitenciária de Getulina, Penitenciária de Balbinos e Penitenciária de Hortolândia).  Os três sentenciados responderão por tentativa de fuga e danos ao patrimônio público. Eles já foram encaminhados para o Pavilhão Disciplinar da Unidade Prisional.

 

A diretoria da Penitenciária III de Lavínia já tomou as providências cabíveis abrindo sindicância para apurar os fatos, recolha de todos os sentenciados para as celas dos pavilhões, realizando a conferência nominal de todos presos para contagem da população carcerária, bate grade em todas as celas para saber se tinha alguma grade de cela serrada e providenciado o conserto da tela de proteção do pavilhão 7. Depois de todo procedimento ás 09h35 horas foi liberada a entrada das visitas, menos no pavilhão onde teve a tentativa de fuga devendo os sentenciados permanecer trancados em suas celas sem banho de sol. Os três sentenciados serão removidos para a Penitenciária de Presidente Venceslau.

 

Fonte: Gazeta da Região

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.