Agentes impedem a entrega de drogas e celulares no CPP de Mongaguá

0
120

Quinze celulares, 10 carregadores de bateria e 2,200 quilos de maconha foram apreendidos na madrugada desta terça-feira, 26, no Centro de Progressão Penitenciária “Dr. Rubens Aleixo Sendin”, o CPP de Mongaguá.

Por volta das 4h, o agente escalado para uma das torres de vigilância avistou indivíduos externos arremessando pacotes pelos alambrados do presídio. Imediatamente, o alarme de segurança foi acionado, o que fez com que os suspeitos partissem em direção a mata que rodeia o estabelecimento penal.

Ao chegarem ao local para analisar os invólucros, os funcionários encontraram a droga e os eletrônicos. A direção do CPP instaurou Procedimento Disciplinar Apuratório e o material foi encaminhado para o 2º Distrito Policial de Mongaguá, onde foi lavrado o Boletim de Ocorrência.


Fonte: Diário do Litoral

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.