Dança de salão anima servidores da SAP após dia de trabalho

0
26

Curso promovido pela EAP contempla quatro ritmos de dança

 

Servidores treinam o passo básico do forró

 

A dança promove uma série de benefícios para o corpo e a mente de quem a pratica: além de melhorar a capacidade respiratória e queimar calorias, combate o estresse, eleva a autoestima e estimula a socialização. Pensando nisso, a Escola de Administração Penitenciária “Dr. Luiz Camargo Wolfmann” (EAP) abriu um curso intitulado “Dança: Autoconhecimento, Equilíbrio e Arte”, direcionado aos servidores da sede da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Metropolitana de São Paulo (Coremetro), Penitenciária Feminina Sant’Ana, Penitenciária Feminina da Capital, Núcleo de Saúde do Servidor e da própria EAP.

 

A iniciativa faz parte do Programa de Qualidade de Vida para o Servidor, que visa, essencialmente, desenvolver ações que promovam a melhoria da qualidade de vida dos funcionários e o bem-estar no ambiente de trabalho. As aulas acontecem às quartas-feiras, em sala de aula aberta da EAP, e são ministradas pelo servidor Thiago Augusto Wolfmann.

 

Divididos em duas turmas, os alunos estão aprendendo a dançar forró – o primeiro dos quatro ritmos que o curso contempla (samba de gafieira, country e rockabilly completam a grade). As aulas se iniciam com um alongamento, momento em que a mente começa a se esvaziar dos problemas corriqueiros. Após um aquecimento, no qual o passo básico do forró é reforçado, outros passos são ensinados ou relembrados e casais se formam para colocar em prática o que aprenderam. A cada nova música, os pares se alternam.

 

O ânimo dos participantes aumenta a cada encontro. “As aulas são ótimas, bem extrovertidas. Estou me conhecendo melhor através da dança e esse é um caminho novo para encontrar a felicidade que procuro”, comenta o aluno Samuel dos Santos Alves. “Minha autoestima, sem dúvida, melhorou bastante”, completa.

 

“Aprender a dançar tudo o que puder” é o que espera a aluna Maria de Lourdes Nogueira. Além do aprendizado e dos momentos de descontração, os servidores receberão um certificado por sua participação, desde que seja cumprida uma frequência de no mínimo 75%.

 

Para a realização do curso, a EAP conta com apoio do Centro de Capacitação e Desenvolvimento de Recursos Humanos (Cecad-RH), Núcleo de Coordenação de São Paulo e Grande São Paulo e do Núcleo de Saúde do Servidor da Coordenadoria do Sistema Penitenciário.

 

Fonte: SAP

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.