Detentos do CPP de Bauru colocam fogo na unidade e fogem

0
84

Atualizada 13h

Os detentos do Centro de Progressão Penitenciária 3 (CPP) de Bauru iniciaram uma rebelião na manhã desta terça-feira (24). Os detentos colocaram fogo na unidade e empreenderam fuga em massa.

Com o apoio do helicóptero Águia, a Polícia Militar percorre a cidade para localizar os detentos fugitivos. O Corpo de Bombeiros foi chamado para controlar o incêndio.

De acordo com o site da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), a unidade tem capacidade para 1124 detentos e atualmente está com 1427. Nenhum agente de segurança penitenciária ficou de refém.

A Asessoria de Imprensa do Sindasp-SP teve acesso à nota enviada pela SAP a imprensa, onde afirma que “o incidente iniciou-se após um Agente de Segurança Penitenciária ter cumprido o seu dever profissional, ou seja, surpreendeu um preso se comunicando através de celular”

A nota relata ainda que “parte dos evadidos já foi recapturada e será levada ao Centro de Detenção Provisória de Bauru”. 

Segundo a SAP, na última saída temporária, que ocorreu no final de 2016 e início de 2017, 1122 presos foram beneficiados e 1074 retornaram. Destaca ainda que 208 presos trabalham fora da unidade, exercendo atividades externas, outros 65 em empresas dentro da unidade e 358 trabalham em atividades de manutenção na própria unidade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.