Diretor do Sindasp da regional de Marília orienta servidores para o uso de máscaras nas unidades prisionais

O único elo com o mundo exterior é o funcionário, se o servidor pegar a doença com certeza vai disseminar dentro da unidade

0
156

Em meio a atual pandemia do novo coronavírus, o Diretor do Sindasp Luciano Carneiro recomenda aos Policiais Penais e demais servidores o uso de máscaras dentro das unidades prisionais.

Segundo Luciano Carneiro que tem formação em enfermagem, uso das máscaras de tecido, no entanto, tem sido uma saída para a população, já que as máscaras cirúrgicas estão em falta no mercado devido a grande procura nos últimos meses. “A máscara pode ser usada até ficar úmida, depois desse tempo, é preciso trocar, então, o ideal é que cada servidor tenha pelo menos duas máscaras de pano”, explicou Luciano.

“É importante ter elásticos ou tiras para amarrar acima das orelhas e abaixo da nuca. Desse jeito, o pano estará sempre protegendo a boca e o nariz e não restarão espaços no rosto, chegando em casa, lave as máscaras usadas com água sanitária, deixando de molho por cerca de 30 minutos”, ressaltou Carneiro.

De acordo com Luciano quando duas pessoas, tanto a que está doente como a que está saudável, usarem a máscara, a chance de contágio pela Covid-19 é baixa. “O único elo com o mundo exterior é o funcionário, se o servidor pegar a doença com certeza vai disseminar dentro da unidade”, finalizou Luciano.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui