Governador participa da cerimônia de formatura de 621 agentes

0
37

Depois de cinco meses de aula, formaram-se 621 agentes de segurança penitenciária (ASP) que exercerão suas atividades em algumas das unidades prisionais da Secretaria da Administração Penitenciária. A celebração ocorreu no Auditório Ulysses Guimarães, no Palácio do Governo do Estado de São Paulo. Entre os concluintes, 554 eram homens e 67 eram mulheres.

O curso de formação foi muito exigente tanto academicamente quanto no aspecto físico e emocional, os ingressantes se distanciam de seus familiares e de suas cidades de origem já a partir do curso. Além do aspecto emocional, os alunos precisaram de dedicação para as atividades de defesa pessoal, com grande exigência física e também para as disciplinas de Legislação, Prática do Serviço, Direitos Humanos, Criminologia, Gerenciamento de Crise entre outras matérias específicas. Toda essa exigência abrangeu os cursos de formação tanto das turmas masculinas quanto femininas. As aulas do curso de formação foram realizadas na Escola de Administração Penitenciária (EAP) “Dr. Luiz Camargo Wolfmann”.

O governador Márcio França lembrou que respeita o serviço público e não entende que o mesmo deva ser diminuído. Mas sim que o serviço público em país como o Brasil, com muita dificuldade e muita distorção social é necessário e permite que haja equilíbrio de oportunidades e é o que garante tratamento igual entre as pessoas. Com isso, ressaltou a responsabilidade dos formandos quanto ao exercício de suas atribuições.

Lourival Gomes afirmou que toda vez que participa de uma formatura de agentes lembra de sua trajetória como ASP e sabe o quanto essa classe é nobre e representa para a segurança da sociedade. “O orgulho nosso não é ser o maior sistema prisional do país, o orgulho nosso é ser o melhor do país, e isso graças aos nossos funcionários”, destacou Gomes. O secretário da Pasta ainda ressaltou que entre os formandos existiam alguns que vieram de outros Estados em busca de crescimento profissional em São Paulo, por meio dessa carreira.

Gilmar Pires de Camargo, formando e orador de uma das turmas, afirmou que a diversidade cultural vivenciada no curso foi muito importante para todos, e que acredita que todos terão muito com que contribuir para a secretaria no exercício de suas funções. Para Letícia Lemos, formanda e porta bandeira, foi uma experiência incrível participar no curso de formação e a cerimônia foi a consagração dessa experiência.

O docente André Luiz Alves ressaltou que o curso de formação foi muito bem estruturado pela EAP, os alunos se esforçaram muito durante a formação e afirmou que os agentes estão preparados para assumirem suas funções.

Leda Maria Gonzaga, a diretora da EAP, destacou que a formatura foi a coroação de um trabalho que envolveu todos os servidores da EAP, principalmente do Centro de Formação e contou muito com o empenho dos docentes e dos discentes.

Novas Turma de Formação

Um dia após a cerimônia de formatura no Palácio dos Bandeirantes, ingressaram 265 novos agentes com o início de novas turmas dos cursos de formação técnico-profissional para ASPs e também para Agentes de Escolta e Vigilância Penitenciária (AEVPs) na EAP. Desses novos alunos, 222 são ASPs, sendo 189 masculinos e 33 femininos; e 43 são AEVPs, cargo que só possuí turmas masculinas.

Leda Maria Gonzaga, diretora da EAP, recebeu as novas turmas com aula inaugural. Nessa aula, Leda e as diretoras do Centro de Formação explanaram sobre as disciplinas e orientaram quanto ao que é esperado dos alunos em termos de comprometimento e responsabilidade, assim como expuseram as normas da Escola Penitenciária. Também houve palestra com Sérgio Bassit, psicólogo da Coordenadoria de Saúde da SAP, que orientou os novos alunos quanto aos cuidados que devem tomar para preservarem a saúde física e mental.


Fonte: SAP

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.