Iamspe ganhará novo pronto-socorro em maio

0
29

Com ampliação de leitos e consultórios, o novo pronto-socorro do Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE) será entregue pelo governo de São Paulo aos usuários do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) em maio.

 

O local, que passará dos atuais 1.825 m2 para 2.900 m2, é um dos projetos prioritários da reforma no hospital, que teve início em 17 de maio de 2013, com prazo de duração de dois anos. O governo do Estado está investindo R$ 146,7 milhões na reforma total do HSPE, entre obras e aquisição de equipamentos.

 

O novo PS receberá características especiais para atendimento à população idosa, incluindo adequação de consultórios e área física com dimensões adequadas e acessibilidade. Também contará com uma equipe multidisciplinar capacitada para assistência às pessoas com 60 anos ou mais e fluxo de atendimento respeitando os critérios de classificação de risco.

 

O número de leitos no PS passará dos atuais 44 para 53 e o de consultórios médicos, de 15 para 21. A sala de medicação, por sua vez, contará com 32 poltronas (hoje são 15) e outros seis leitos de observação. Já as salas de espera serão ampliadas de 4 (com 147 lugares) para 6 (com 341 lugares).

 

O novo PS ganhará também salas a mais de pré-consulta, procedimento, assistência social e ultrassonografia, além de duas novas áreas ares específicas de higienização e um consultório para ginecologia (hoje não tem no PS, apenas no hospital).

 

“O novo pronto-socorro garantirá as condições ideais de atendimento a todos os pacientes, adequando o espaço ao perfil do público atendido”, afirma o superintendente do Iamspe, Latif Abrão Junior.

 

O PS do HSPE atende atualmente uma média de 20 mil consultas/mês (667/dia) e realiza cerca de 9 mil exames/mês, nas seguintes especialidades: Clínica Médica, Cirurgia Geral, Ortopedia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Neurologia, Psiquiatria, Ginecologia e Pediatria.

 

O hospital também ganhará, em breve, um Centro de Promoção e Proteção à Saúde do Idoso, que contará com serviço de reabilitação física e social para a promoção do envelhecimento saudável e abrigará área de lazer e convivência, cozinha experimental e um anfiteatro para 420 pessoas.

 

Com a reforma, o Centro de Oncologia do hospital terá capacidade operacional ampliada em 25%, passando a realizar cerca de 14,3 mil procedimentos por ano. O número de leitos de UTI Adulto será ampliado, passando dos atuais 52 para 78. Ainda fazem parte do projeto uma nova área da Central de Esterilização de Materiais e um novo Centro de Diagnóstico por Imagem.

 

O Centro de Diagnóstico por Imagem realiza atualmente 30 mil exames/mês. A modernização das instalações e melhoria no fluxo de atendimento permitirá aumentar a produção em 20%.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Iamspe

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.