Lei corrige prejuízo no salário de PM devido a incorporação do ALE, mas ignora servidores penais

0
24

Foi publicado no Diário Oficial do Estado no último dia 7, que os Policiais Militares (PM) que tiveram seus salários reduzidos entre os meses de Fevereiro e Março devido a incorporação do Adicional de Local de Exercício (ALE) terão a diferença ressarcida, mas nada consta sobre os diretores do sistema penal que também foram prejudicados.

 

Como já foi adiantado no dia 28/05, o Sindasp-SP está propondo uma ação aos filiados que tiveram redução no Pro Labore devido a incorporação do ALE. Os interessados devem entrar em contato com o Departamento Jurídico do sindicato pelo e-mail: jurídico@sindasp.org.br, pelo telefone: (18) 3222-1661, ou ainda em qualquer uma das sedes regionais do Sindasp-SP.

 

Confira a publicação no anexo acima:

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.