Pagamentos de benefícios da SPPREV devem ser feitos exclusivamente pelo Banco do Brasil

0
24

Conforme disposto no Decreto Estadual nº 55.357, de 18 de janeiro de 2010, os pagamentos de vencimentos, salários, subsídios, proventos ou pensões aos servidores civis e militares, ativos, inativos, pensionistas e beneficiários de pensões especiais do Poder Executivo da administração direta e indireta do Estado devem ser feitos exclusivamente no Banco do Brasil.

 

Assim, em atendimento ao previsto na legislação, solicitamos aos beneficiários da São Paulo Previdência que ainda não possuem conta no referido banco que procurem uma agência de sua preferência, de posse do RG, do CPF e do comprovante de residência atualizado, para a abertura de conta em seu nome.

 

Após a abertura da conta corrente ou conta salário, é obrigatória a apresentação do “Contrato de Abertura de Conta Corrente/Salário” ou da “Declaração de Conta Corrente/Salário” original, com data atualizada e timbre do banco, em um dos locais de atendimento da SPPREV, a fim de informar os novos dados bancários para recebimento de seu benefício.

 

Ressaltamos que, a partir de 2013, a SPPREV procederá a suspensão do pagamento dos pensionistas e inativos que ainda não recebem os benefícios no Banco do Brasil, até que a sua situação seja regularizada.

 

Mais informações podem ser obtidas por meio do teleatendimento da SPPREV, pelo número 0800 777 7738, ou do comparecimento a um dos locais de atendimento da autarquia.

 

Pensionistas e inativos que já recebem o seu benefício pelo Banco do Brasil estão com a situação regularizada e, portanto, não precisam adotar nenhuma medida. Pagamentos por ordens judiciais (determinações de crédito a favor de beneficiários, em conta especificada pela justiça) também não precisam cumprir esta exigência.

 

Fonte: SPPREV

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.