Policiais Penais da PII de São Vicente e do CPP de Tremembé impedem entrada de ilícitos nas unidades

0
162

Penitenciária II de São Vicente

De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) os Policiais Penais encontraram um celular e 31 gramas de entorpecente na área externa da Penitenciária 2 de São Vicente, no último sábado, dia 23 de maio.

Os funcionários faziam a inspeção do lado de fora da unidade prisional, quando encontraram dentro de uma caçamba de lixo um saco de salgadinhos que continha 28 invólucros de maconha, somando 31 gramas da erva, e um pão, que escondia um aparelho de celular e um fone de ouvido.

O material foi encaminhado para o 1º Distrito Policial de São Vicente, onde foi lavrado o Boletim de Ocorrência. A direção do presídio instaurou os procedimentos apuratórios de praxe para investigar o caso.

CPP de Tremembé

Segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) foram apreendidos 66 itens eletrônicos e mais de 1,8 quilo de entorpecentes do Centro de Progressão Penitenciária “Dr. Edgar Magalhães Noronha”, o CPP de Tremembé, no último domingo, dia 24 de maio. Os Policiais Penais encontraram os ilícitos na área externa do presídio e em uma correspondência enviada pelo pai de um sentenciado.

Durante a madrugada, por volta das 2h, o servidor escalado para uma das torres de vigilância do presídio percebeu que um indivíduo tentava arremessar uma bolsa pelo muro da unidade prisional. Imediatamente, o alarme de segurança foi acionado e uma equipe foi direcionada ao local. O infrator fugiu e abandonou a sacola do lado de fora do estabelecimento penal.

Os funcionários verificaram o material abandonado e encontraram 11 celulares com 17 baterias, 15 carregadores, 11 cabos UBS, 6 fones de ouvido e 6 chips telefônicos, além de 7 tabletes de maconha, que somavam 1,223 quilo da erva, e 4 invólucros de cocaína, que somavam 570 gramas da droga.

Ainda no domingo, os funcionários encontraram 25 gramas de maconha que foram enviados via correios pelo pai de um detento. O remetente, um idoso de 66 anos, escondeu a erva em maços de cigarro comum. O familiar teve o nome suspenso do rol de visitas da SAP.

A direção do CPP de Tremembé encaminhou os ilícitos para a Delegacia de Polícia, onde foram lavrados os Boletins de Ocorrência, e instaurou procedimento apuratório de praxe para investigar os casos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui