Presos fazem rebelião no CDP do Putim em São José dos Campos, SP

0
314

Motim que tem um agente refém começou por volta das 8h desta quinta (26).

 

 

Presos do Centro de Detenção  Provisória (CDP) do Putim, em São José dos Campos (SP), deram início a uma rebelião na manhã desta quinta-feira (26). Policiais estão dentro da unidade para tentar conter o motim e evitar fugas. Um agente penitenciário é refém dos detentos.

 

Barulhos de explosão e fogo pode visto dentro da unidade. Na área externa, parentes buscam informações sobre os internos.

 

Informações preliminares da polícia dão conta que a rebelião, que começou por volta das 8h, é contra a chamada ‘opressão carcerária’. Os quatro raios da unidade, onde ficam os presos, estão tomados e colchões foram queimados.

 

A esposa de um preso, que pediu para não ser identificada, disse ao G1 que os presos  reclamam da qualidade da alimentação oferecida, da falta de estrutura, superlotação e do tratamento dado aos visitantes.

 

Superlotada

 

A Polícia Militar fez um bloqueio nas imediações da penitenciária, que está superlotada – tem capacidade para 525 detentos e abriga 1.172.

 

Outro lado

 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou em nota que a unidade onde ocorre a rebelião está sendo automatizada, porém o agente foi rendido no único raio da unidade onde a abertura da cela ainda é manual. A pasta informou que ele não está machucado.

 

Funcionários da secretaria negociam com os detentos neste momento para por fim à rebelião. O Grupo de Intervenção Rápida (GIR) foi acionado e estava indo parao local no começo desta tarde.

 

Fonte: G1/Vale do Paraíba e Região

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.