São Paulo reduz ICMS para equipamentos militares

0
7

Carga tributária passou de 12% para 4% nos equipamentos destinados ao Exército

Foi assinado pelo governador Geraldo Alckmin o decreto que altera a base de cálculo do ICMS sobre a fabricação de equipamentos de uso militar

 

O Estado de São Paulo reduziu o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para equipamentos militares. O decreto que altera a base de cálculo de 12% para 4% na carga tributária incidente sobre a fabricação de equipamentos de uso militar foi assinado pelo governador Geraldo Alckmin nesta terça-feira, 19, no Palácio dos Bandeirantes.

 

A medida, que foi autorizada pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária), desonera as operações com veículos militares produzidos para o Exército Brasileiro. A decisão aplica-se ainda a partes, peças, acessórios, matéria-prima e componentes utilizados pela indústria e equipamentos militares.

 

O beneficio será para produção de carros blindados, carros de combate, viaturas operacionais militares, simuladores, tratores lagartas ou de rodas destinados às áreas de engenharia e de artilharia do Exército e destina-se como forma de diminuir o custo de renovação e modernização. Terão acesso à redução da carga tributária empresas indicadas pelo Comando do Exército do Ministério da Defesa e relacionadas em Ato Cotepe (Comissão Técnica Permanente do ICMS).

 

Fonte: Portal do Governo do Estado 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.