SAP atende ofício do Sindasp e revoga abertura de LPTE para CDP de Caiuá

0
110

O secretário de Estado da Administração Penitenciária, Nivaldo Cesar Restivo, atendeu ao pedido Sindasp-SP e revogou a Resolução SAP 148, que autorizou a abertura de inscrições de agentes de segurança penitenciária (ASPs) e agente de escolta e vigilância penitenciária (AEVP)  para o futuro Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caiuá, por meio da Lista Prioritária de Transferência Especial (LPTE). A revogação da resolução foi publicada no Diário Oficial de sábado (9).

No ofício enviado ao secretário, o Sindasp-SP solicitou que fosse respeitada a Lista Prioritária de Transferência (LPT) para evitar prejuízos aos servidores que aguardam transferências. O sindicato ressaltou ao secretário que, ao mudar o critério para LPTE, “servidores que aguardam por tempo bem menor foram favorecidos, o que se caracteriza grande injustiça e prejuízo aos que aguardam pela transferência por tempo bem maior, alguns há 10 anos”, descreveu o ofício enviado a Restivo.

Leia a Resolução SAP-153, de 8-11-2019, que revogou a LPTE.

Revoga a Resolução SAP 148/2019, que autorizou a abertura de inscrições de servidores pertencentes à carreira de Agente de Segurança Penitenciária e à classe de Agente de Escolta e Vigilância Penitenciária, interessados em se transferirem para o Centro de Detenção Provisória de Caiuá que se subordinará à Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado.

O Secretário da Administração Penitenciária, considerando estudos técnicos realizados, constatou que os objetivos almejados ao adotar a Lista Prioritária de Transferência Especial – LPTE, para compor o quadro de pessoal do Centro de Detenção Provisória – CPD de Caiuá, não atenderiam aos propósitos da Pasta.

Resolve:

Artigo 1º – Revogar a Resolução SAP 148 de 22, publicada em 23-10-2019, que autorizou a abertura de inscrições de servidores pertencentes à carreira de Agente de Segurança Penitenciária – ASP e à classe de Agente de Escolta e Vigilância Penitenciária – AEVP, interessados em se transferirem para o futuro CDP de Caiuá, que se subordinará à Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado; bem como, revogar a Instrução DRHU 02 de 22, publicada em 23-10-2019.

Artigo 2º – Determinar que o quadro de pessoal do futuro CDP de Caiuá seja composto pelos servidores inscritos na Lista Prioritária de Transferência – LPT para o CDP “Tácio Aparecido Santana” de Caiuá.

Artigo 3º – Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação


â–ºClique para ler o ofício enviado.

â–ºConfira abaixo o ofício protocolado.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.