Servidor aposentado pode ter atrasados de até R$ 63 mil

0
19

Os servidores do Estado de São Paulo que têm ação questionando a conversão dos salários do cruzeiro real para a URV (Unidade Real de Valor), mesmo que aposentados, podem receber uma bolada de até R$ 63 mil.

 

O maior valor pode ser obtido pelos investigadores de polícia, segundo cálculos da advocacia Marcatto. Veja outros exemplos na edição impressa.

 

O STF (Supremo Tribunal Federal) publicou nesta segunda-feira a decisão que confirma o direito de os servidores ativos e inativos corrigirem os salários e receberem os atrasados, caso o Estado tenha aplicado, em 1994, uma regra de conversão diferente da federal.

 

Fonte: Agora São Paulo

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.