Servidores do Paraná conquistam data-base em parcela única

0
34

Depois de muita luta, reuniões, diversas mobilizações e manifestações na Assembleia Legislativa (ALEP), os servidores do Paraná conquistam o pagamento da data-base em uma única parcela, além de garantirem o pagamento integral do salário e retroativo referente à primeiro de maio.

 

Recentemente, o governo apresentou ao Fórum das Entidades Sindicais (FES) que a data-base seria paga apenas sobre o salário base e em duas parcelas. Esse posicionamento do estado com o servidor mostrou a falta de respeito com o trabalhador, além de passar por cima de um direito.

 

A partir dai a luta começou. O SINDARSPEN participou de todas as mobilizações, pois para o agente penitenciário, o parcelamento não seria o único problema; mas sim, o reajuste parcial, uma vez que a gratificação (AAP) é maior que o salário base. Após o sindicato, juntamente com o FES, conquistar este item, que interessava apenas aos agentes, o próximo passo foi buscar o pagamento único.

 

Servidores de todo o Paraná, inclusive agentes penitenciários, lotaram as galerias do Plenário da ALEP duas vezes para pressionar os deputados. E deu certo. Os políticos reavaliaram o projeto de lei nº 211/2013, de autoria do Executivo, que estabeleceu o pagamento de 6,49% relativo a data-base do funcionalismo estadual. É válido lembrar que o líder do governo na Alep, deputado Ademar Traiano, alterou a redação do artigo 5º do texto e estabeleceu que a aplicação seja feita em folha de pagamento no mês de junho de 2013, retroativo a 1º de maio.

 

Fonte: Sindarspen

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.